quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Estultices ao Luar

Sem mais...
Sem menos...
Simplesmente, sem...

Nem mais...
Nem menos...
Puramente, nem...

A vida canta, sem mais...
A vida chora, sem menos...
A vida parte sem...

Você sonha, nem mais...
Você grita, nem menos...
Você vive, nem...

Um comentário:

Austri Junior disse...

Parabéns pelo blog e principalmente pela poesia e sensibilidade poética. linda poesia!